A Educação Integral e Integrada da Escola Estadual Tomé Portes del-Rei promoveu discussão sobre a cultura africana com o filme "Kirikú e a Feiticeira". O objetivo era ampliar as narrativas de lendas e culturas diversificadas, escolhendo assim introduzir um dos contos africanos. A ação foi um trabalho interdisciplinar entre os professores Amanda Aparecida Ferreira Belo, Luana das Mercês Silva e Weverton Andrade Silva. Após a exibição do filme, houve debate sobre  a cultura africana, a seca e outros temas caros a essa temática. “Kirikú e a Feiticeira” é um filme que retrata a criança como um ser inteligente e capaz de modificar o mundo, além de uma narrativa poética dos problemas diários de uma aldeia. Segundo o site da Nova Escola: “Kirikú é um menininho nascido na África Ocidental. Tão pequeno, ele não chega aos joelhos de um adulto. O desafio que impõe seu destino, no entanto, é imenso: enfrentar uma poderosa e malvada feiticeira, que secou a fonte de água da aldeia, engoliu todos os homens que foram enfrentá-la e ainda roubou todo o ouro ali guardado. Para recuperá-lo, Kirikú enfrenta muitos perigos e se aventura por lugares onde somente pessoas pequeninas poderiam entrar”. A equipe pedagógica acredita que é preciso valorizar a cultura das pluralidades e diversidades, trabalhar o “saber local” e o global, proporcionar às crianças um conhecimento rico e diversificado.
 
 

 

 

Superintendência Regional de Ensino São João Del Rei

Rua Henrique Benfenatti, 110

Bairro São Judas Tadeu

CEP:36307042 - São João del-Rei -MG

Telefones de Contato